segunda-feira, 23 de novembro de 2009

Vontade de chorar...


Vontade de chorar...
Estava lembrando da única pessoa que realmente fez a diferença em minha vida.
Lembranças que me fazem bem, compras no Mambo de Pinheiros, cinema no Villa Lobos, assistir Ben 10, panela de barro para fazer compota de morango, me ensinando a comer comida japonesa ( a primeira vez odiei.), Yon Kipur, indo me buscar no Extra Anhanguera, é senhor Leandro da BM, o dia que te conheci foi o dia mais feliz da minha vida.
Lembro de cada detalhe, de cada palavra que trocamos, de dizer que quando quero algo corro atraz e faço o impossivél para conquistar.
O nosso primeiro beijo foi uma mistura de arte e desejo que nunca encontrei em outro, exatamente como a nossa primeira vez... Não sei nem como explicar o que foi aquilo.
Banhos quentes, massagem, chorando no seu colo, conselhos que hoje sigo...
Se eu pudesse voltar no tempo, não mudaria nada do que vivemos, pois fui feliz com você cada segundo...
Me arrependo de ter errado.
Como você disse uma vez, eu te amo, amei e sempre vou amar... Hoje isso faz sentido para mim.
Pois te amei como nunca amei ninguém, amo e quero amar para o resto da minha vida.
Sei que ainda irei me apaixonar muito e beijar muito nessa minha vida, pois como sabemos tenho apenas 21 anos... e comecei a viver a minha vida agora... Diferente do seu caso, que já aproveitou tudo.
Tive sim outras paixões, exatamente como você disse que aconteceria...
Mas nenhuma tão marcante quando você foi e é em minha vida.
Responde qual casal não entra em crise, quem não comete erros, quem não é infantil quando não conhece o mundo.
O problema é que você foi o meu grande presente, e Deus me deu você muito cedo.
Como eu gostaria de te conhecer agora que sou mais maduro.
Enfim sempre te amarei

Nenhum comentário:

Postar um comentário